Elias Junior - O Número 1 das Notícias

POLÍCIA CIVIL TRANSFERE SUSPEITO DE ENVOLVIMENTO NO CRIME DE HOMICÍDIO NA CIDADE DE RURÓPOLIS

Em menor de duas horas depois do crime a Policia prendeu um dos acusados

Policia Civil Rurópolis


A Polícia Civil transferiu, no início da manhã da ultima quarta feira (13)  da UIPP de Rurópolis para o presídio do Centro de Recuperação Silvio Hall de Moura(Cucurunã)  em Santarém , por determinação judicial, o elemento de nome  Hemerson Melo Ribeiro, 18 anos de idade, ele que não tem profissão definida e que é, natural da cidade de Itaituba.

Segundo as informações repassadas a nossa redação do Grupo EJN o acusado estava recolhido na Unidade Integrada de Rurópolis, desde o último dia 11, quando foi preso após diligências realizadas por policiais civis e militares por crime de homicídio qualificado tendo como vítima MATHEUS NASCIMENTO DA SILVA, 18 anos de idade, o qual foi executado à tiros numa vicinal que dá acesso a área do lixão da cidade.

O fato ocorreu no ultimo dia (11) e a polícia dirigiu-se até o local onde se encontrava o corpo, enquanto isso, passou a circular nas redes sociais um vídeo contendo cenas do crime e de posse do material Policiais Civis e Militares da 17ª CIPM passaram a diligenciar e um dos suspeitos foi localizado e apresentado na delegacia e durante a sua oitiva foi identificado como um dos participantes do ato e acabou confessando a sua participação. As diligências policiais continuam a fim de identificar demais autorias, bem como, delinear a motivação que certamente esta ligada ao tráfico de entorpecentes na região.


O flagrante foi lavrado de forma minunciosa pela Autoridade Policial do Município, Dr. Ariosnaldo Vital Filho e pelo escrivão de polícia Gustavo Castro, posteriormente, apresentado para audiência de Custódia ao Juiz da Comarca e em razão da gravidade do fato foi decretada a prisão preventiva do acusado a escolta até o Presídio de Santarém foi feita imediatamente pelo policial civil Alexandre Ripper com apoio de policiais civis da 16ª Seccional de Santarém afim de dar cumprimento a determinação judicial.

Fonte

Grupo EJN / Policia Civil de Rurópolis
  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

POLÍCIA CIVIL TRANSFERE SUSPEITO DE ENVOLVIMENTO NO CRIME DE HOMICÍDIO NA CIDADE DE RURÓPOLIS

Grupo EJN / Policia Civil de Rurópolis


A Polícia Civil transferiu, no início da manhã da ultima quarta feira (13)  da UIPP de Rurópolis para o presídio do Centro de Recuperação Silvio Hall de Moura(Cucurunã)  em Santarém , por determinação judicial, o elemento de nome  Hemerson Melo Ribeiro, 18 anos de idade, ele que não tem profissão definida e que é, natural da cidade de Itaituba.

Segundo as informações repassadas a nossa redação do Grupo EJN o acusado estava recolhido na Unidade Integrada de Rurópolis, desde o último dia 11, quando foi preso após diligências realizadas por policiais civis e militares por crime de homicídio qualificado tendo como vítima MATHEUS NASCIMENTO DA SILVA, 18 anos de idade, o qual foi executado à tiros numa vicinal que dá acesso a área do lixão da cidade.

O fato ocorreu no ultimo dia (11) e a polícia dirigiu-se até o local onde se encontrava o corpo, enquanto isso, passou a circular nas redes sociais um vídeo contendo cenas do crime e de posse do material Policiais Civis e Militares da 17ª CIPM passaram a diligenciar e um dos suspeitos foi localizado e apresentado na delegacia e durante a sua oitiva foi identificado como um dos participantes do ato e acabou confessando a sua participação. As diligências policiais continuam a fim de identificar demais autorias, bem como, delinear a motivação que certamente esta ligada ao tráfico de entorpecentes na região.


O flagrante foi lavrado de forma minunciosa pela Autoridade Policial do Município, Dr. Ariosnaldo Vital Filho e pelo escrivão de polícia Gustavo Castro, posteriormente, apresentado para audiência de Custódia ao Juiz da Comarca e em razão da gravidade do fato foi decretada a prisão preventiva do acusado a escolta até o Presídio de Santarém foi feita imediatamente pelo policial civil Alexandre Ripper com apoio de policiais civis da 16ª Seccional de Santarém afim de dar cumprimento a determinação judicial.

Publicidade